Notícias

Novembro Roxo: mãe dos gêmeos Noah e Laila relata experiência da família

17/11/2020
Novembro Roxo: mãe dos gêmeos Noah e Laila relata experiência da família
Depois de um longo período de espera, a família da Janeise comemorou a notícia de gravidez de gêmeos. A gestação foi um período de muitos cuidados e, com 27 semanas, vieram então ao mundo os irmãos Noah e Laila, ele pesando 1,150 quilo e medindo 36 cm e ela, pesando 1,140 quilo e medindo 33 cm. Por conta disso, eles ficaram na UTI Neonatal da Ninho Maternidade Socimed, completando cerca de 2 meses de internação e convivência com a equipe. Com a alta, cerca de 50 dias depois e para relembrar o Novembro Roxo, mês da prematuridade, a mãe compartilhou emocionada um pouco da sua experiência neste período.

“Quando chegamos ao fim de um ciclo, lembramos com emoção de tudo o que vivemos aqui. Foi um dos períodos mais desafiadores, mas também de maior cuidado na minha vida, quando eu me descobri uma mulher forte, porque recebi muita força de todas as pessoas com quem tive contato aqui na Maternidade”, afirma.

Ela conta que o cuidado e dedicação não foram só para os gêmeos, mas também com ela, o que contribuiu para que tivesse força e desse apoio aos bebês. “Tive apoio das pessoas de diversos setores do Hospital, desde a Recepção até a equipe de Limpeza, Lactário, UTI. Fui realmente cercada de cuidados. Todos me encorajaram muito a ponto de eu me descobrir uma mãe forte”, explica.

Janeise é natural de Criciúma, mas mora em Araranguá. Foi transferida para Tubarão, por conta da UTI Neonatal, onde pôde conviver com uma equipe experiente. “Percebi neste período, que os profissionais aqui estão acostumados a lidar com situações assim, por isso, conseguem nos transmitir palavras de conforto, segurança e informações que me tranquilizam o tempo todo”.

O médico pediatra e neonatologista, dr. Willian de Carvalho Esmeraldino, que coordena a equipe da UTI Neonatal da Ninho, foi um dos profissionais que acompanhou de perto o desenvolvimento dos bebês. “Precisamos comemorar todas as vitórias da UTI”, reforça. A UTI Neonatal da Ninho Maternidade foi projetada com equipamentos de ponta, sendo uma referência no Sul de Santa Catarina, somando-se à equipe especializada e dedicada exclusivamente a estes casos.

Ao retornar para casa, a expectativa da família foi seguir cuidando dos gêmeos em casa. “Queria dar continuidade a tudo o que eu aprendi com a equipe da Ninho, porque agora, meus braços nunca mais estarão vazios. Sigo dando o meu máximo, lutei muito pra ser mãe e estou pronta pra isso. Tenho certeza de que Deus me escolheu para essa missão”, conclui emocionada.

Antes de se despedir da Maternidade, família da Janeise, do Noah e da Laila receberam todo o carinho e celebração da equipe, prática que faz parte do programa de Experiência do Paciente do Hospital Socimed. "Nós, que trabalhamos na UTI Neonatal, comemoramos muito cada alta de uma criança. Com o Noah e a Laila, a felicidade foi muito grande. Eles tiveram poucas intercorrências neonatais e ganharam alta bem lindos e saudáveis. Isso que nos gratifica e nos faz pensar que todo esforço sempre vale a pena", reforça o dr. Willian de Carvalho Esmeraldino, médico pediatra e neonatologista da Ninho Maternidade.


Elke Schuch Borges
Assessora de Comunicação e Marketing
Jornalista (SC 01274 JP)
(48) 98848-1462
Socimed - Hospital e Maternidade Máquinas Socimed Hospital e Maternidade - Cuidando melhor da vida. contato@socimed.com.br (48) 3621-2500
Rua Aldomar Cardoso, 198 Bairro Passagem - Tubarão / SC CEP 88705-370